Share Button

Lembra do tempo em que o melhor jogador em campo recebia um motoradio de presente? Pois os prêmios hoje em dia estão bem mais curiosos. Na partida Juventus 4 x Francana 0, disputada na tarde de ontem na Rua Javari e válida pela série A3 do Campeonato Paulista, o atacante Gil marcou todos os gols do time da Mooca – e faturou um vale de 60 esfihas.

A ideia dessa inusitada premiação para o melhor em campo começou no final de 2013. O Juventus estava disputando a Copa Paulista, quando Celso Abrahão, dono da Esfiha Juventus, curtiu um post da Web Rádio Mooca no Facebook. Então, pela própria rede social, Marcelo Santos, criador da rádio, entrou em contato com Celso para sugerir a parceria. “A Esfiha Juventus é tão tradicional no bairro quanto os cannolis do seo Antônio“, explica Marcelo. “A esfiharia fica a 600 metros do estádio. Os torcedores juventinos sempre passam lá antes ou depois dos jogos”.

11074104_989818937719656_5451392162150788424_n

Esfiha Juventus, inaugurada em 1967, fica a 600 metros do estádio

Aos 40 minutos do segundo tempo, a equipe de transmissão da rádio escolhe o craque da partida. Quando está assistindo ao jogo, Celso também ajuda na decisão. O jogador escolhido recebe na saída do gramado uma caixa da Esfiha Juventus com o vale-brinde, que pode ser descontado logo depois da partida ou no dia seguinte. “Aqui na loja, 50 esfihas ficam prontas em 2 minutos”, avisa Celso. “O jogador pode vir a hora que quiser”. Até o início do ano, o prêmio era de 15 esfihas, até um repórter do programa Globo Esporte comentar que achava pouco. Celso aumentou para 30.

Só que a participação do ex-corintiano Gil no jogo de ontem foi tão espetacular que o comentarista Marden Soares disse no ar: “Celso Abrahão, você não acha que o Gil merece 60 esfihas pela partida de hoje aqui na Javari?”. Celso concordou.

gil

O atacante Gil recebe o vale-brinde com 60 esfihas/ Foto: Ale Vianna – C.A.Juventus

A Esfiha Juventus oferece com um cardápio de 36 tipos de esfihas diferentes. O goleiro André Dias foi o jogador que mais vezes ganhou o vale (quatro no total). Como muitos moram nos alojamentos do clube, o prêmio acaba dividido a maior parte das vezes. A preferida pelos jogadores é a tradicional de carne. “Quem tem o gosto mais refinado é o jogador Abrahão, que costuma pedir a de camarão”, entrega Celso. O preparador físico do time, Walter Luciano, diz que nenhum tipo de comida é proibida na alimentação dos jogadores.”O carboidrato presente na massa da esfiha é uma boa fonte para recuperação do gasto energético depois de uma partida”, diz. “Mas brinquei com o Gil  dizendo que era melhor ele fazer uma refeição mais equilibrada e dividir o prêmio comigo”.

Como o Juventus está vivendo uma boa fase no campeonato (é líder, com 29 pontos em 14 jogos), Celso e Marcelo estão pensando em outros prêmio para incentivar os jogadores. Nos jogos, os torcedores também concorrem a vales de 50 reais para gastar na Esfiha Juventus. A Web Rádio Mooca conta ainda com mais duas promoções para seus ouvintes: o sorteio de uma camisa do time e um vale “lava e passa” de uma lavanderia próxima ao estádio.

Serviço:
Esfiha Juventus
Rua Visconde de Laguna, 152, Mooca
Tel. 2796-7414
Seg. a dom., das 10h30 às 23h

Share Button