Share Button

O hambúrguer vegetariano já é item quase obrigatório no cardápio das hamburguerias paulistanas. O sanduíche se caracteriza pelo bife à base de ingrediente vegetal. O mais comum deles é o hambúrguer de soja, mas não é difícil encontrar exemplares de quinoa, ricota, grão de bico, feijão fradinho, lentilha ou até de cogumelo. Os hambúrgueres de beterraba, que prometem ser mais saborosos e encorpados do que o sanduíche vegetariano comum, já são febre nas lanchonetes dos Estados Unidos e chegaram este ano ao Brasil.

Em fevereiro, o restaurante Casa Cury, em Perdizes, adicionou o Beet Burger a seu cardápio. Trata-se de uma adaptação gastronômica do publicitário e chef de cozinha Celso Cury: “Encontrei a receita em um livro de culinária persa e acrescentei páprica picante, um tempero muito comum no Oriente Médio e na Espanha”. São 180 gramas de hambúrguer levemente defumado, acompanhado com salada de tomate, pepino e cebola e molho de iogurte. O prato custa R$ 28.

Beet_burger

“Nós fazemos muitos pratos novos porque os clientes da casa gostam de experimentar novidades”, conta Celso, que cuida do negócio ao lado da mulher Alessandra Porro, jornalista especializada em gastronomia. O Beet Burger foi um sucesso de cara, apesar de o chef ter demorado para acertar o ponto. “No começo, o hambúrguer ficava meio queimado”, lembra. Para resolver a situação, Celso passou a tirar os bifes mais cedo da chapa. “Não demorou muito para que os clientes começassem a pedir a volta do hambúrguer queimadinho”. O chef confessa que o prato realmente fica melhor dessa forma: “A beterraba tem muito açúcar e o hambúrguer ‘queimadinho’ colabora para dissolvê-lo”.

Casa Cury
Rua Apinajés, 597, Perdizes
Tel. 2589-1218
Ter. a sex. das 12h às 15h e das 18h às 23h; sáb. das 12h30 às 16h e das 20h às 23h

Share Button