Share Button

O padre Mário Geremia é gaúcho, mas boa parte de seu trabalho é feita em espanhol. Ele celebra uma missa de Natal latina na Paróquia Nossa Senhora da Paz, igreja dedicada aos imigrantes da cidade. Toda em espanhol, a missa latina leva este nome porque é dedicada a todos os imigrantes latino-americanos – a maioria é formada por paraguaios e bolivianos, mas São Paulo também tem grupos de peruanos, colombianos e chilenos. “As diferenças culturais entre esses povos são muito grandes”, afirma o sacerdote. “Mas todos se unem sob a mesma fé, o mesmo Deus.”

A missa latina acontece desde 1997 nesta paróquia, sempre no último domingo de cada mês. Também há festas para santos padroeiros dos países americanos. Em agosto, por exemplo, a homenageada foi Nossa Senhora de Copacabana, padroeira da Bolívia. No mês de dezembro, as festanças de Nossa Senhora de Guadalupe, padroeira mexicana, e da paraguaia Virgem de Caacupé trouxeram mais de 3 mil pessoas à igreja, no bairro do Glicério.

A Paróquia Nossa Senhora da Paz foi fundada em 1942 e contava com um centro de atendimento às famílias de italianos em São Paulo. Duas décadas depois, o Centro da Paz já estava aberto a novos habitantes de diversas origens: coreanos, latinos, africanos e migrantes nordestinos. A paróquia faz parte da chamada Missão Scalabriniana, fundada em 1887 pelo Beato Dom João Batista Scalabrini (1839 – 1905). Ela tem como lema o trecho bíblico “Eu era estrangeiro e vocês me acolheram” (Mt 25,35).

Também será feita uma missa para os imigrantes haitianos, em francês. Veja um roteiro com missas de Natal em outros idiomas:

Missa latina
30/12, às 12h
Igreja Nossa Senhora da Paz.
R. do Glicério, 225, Liberdade, 3207-7709

Missa em francês (haitianos)
23/12, às 11h
Igreja Nossa Senhora da Paz.
R. do Glicério, 225, Liberdade, 3207-7709

Missa em japonês
23/12, às 10h15
Paróquia São Francisco de Assis
R. Borges Lagoa, 1.209, V. Mariana, 5576-7960

(Com colaboração de Míriam Castro)

Share Button