Share Button

A cozinha baiana ganha mais um endereço em São Paulo. Inaugurado há cinco anos, no bairro de Santa Cecília, o restaurante Sotero Cozinha Original se prepara para abrir sua segunda unidade na esquina das avenidas Brigadeiro Faria Lima e Cidade Jardim.  No local, funcionava antes o Padoca Municipal, que nunca chegou a entusiasmar.

sotero

Rafael Spencer é o chef soteropolitano que pilota os fogões e que cria releituras de pratos clássicos da culinária baiana, como moqueca, carne de sol e bobó de camarão. O Sotero criou o “Baião de Três” (apresentado como Baião de Dois e um toque especial do chef)  e instalou até uma máquina de fazer acarajé à vista dos clientes. Em Santa Cecília, tudo é preparado na própria cozinha. Até os pães, que depois serão recheados com camarão, polvo ou rabada.  O Sotero tem um cardápio com 400 marcas de cachaça e drinques especiais, como o cítrico “Xixi de Anjo”, que leva vodca, sucos de laranja e limão e mais 17 especiarias. Quando a nova casa será inaugurado? “Não sabemos”, responde rispidamente o gerente Clayton Luiz, contrariado pela novidade ter sido descoberta. A abertura não deve demorar muito, não. O letreiro já foi instalado na fachada.

Atualização em 05/08/2016: Se acompanhasse as redes sociais particulares do patrão, Rafael Spencer, Clayton Luiz teria percebido que o “segredo” não era tão segredo assim. Rafael vem dando pistas da nova casa há dois meses. Criou até a hashtag #soterofarialima. Escreveu no último dia 19: “O Sotero Faria Lima será um restaurante mais eclético, com um conceito diferenciado, sempre mantendo a nossa linha, mas também tentando agradar todos os clientes da região, onde o ponto forte é um almoço executivo mais rápido”. Rafael postou até uma foto de um spaghetti ao pesto genovês com camarões grelhados, que ele anunciou como parte do teste do novo cardápio. O Sotero está abrindo ainda uma casa em Salvador (Rio Vermelho) e Rafael já anunciou pelo Facebook outra no Rio de Janeiro.

 

Share Button