Share Button

Em agosto, o projeto “Leitura no Vagão” completa seu primeiro ano de existência. O São Paulo para Curiosos foi o primeiro blog a contar como funciona a iniciativa (para reler a reportagem, clique aqui). O idealizador do projeto, Luís Fernando Tremonti, preparou uma ação especial para o próximo mês. Em três terças-feiras de agosto e também na quarta-feira, dia 12, às 19 horas, serão distribuídos 300 livros em diferentes linhas do Metrô. O dia 12 é o patinho feio do calendário porque é justamente a data de aniversário do projeto. Os 1.200 livros serão deixados nos bancos vazios de alguns vagões em estações que são pontos iniciais.

11188340_464516927055996_2345175520363516972_n

Em um ano, o “Leitura no Vagão” já doou cerca de 1 mil livros

Confira a seguir a programação:

04/08 – Estação Tucuruvi
12/08 – Linha Lilás (falta definir estação)
18/08 – Estação Vila Madalena
25/08 – Estação Palmeiras-Barra Funda

“Até agora, só fizemos ações mensais na estação Barra Funda”, explica Luiz Fernando. “Ainda precisamos de mais doações”. Fernando calcula que já entregou 1 mil exemplares para usuários do Metrô.

Fernanda Correa, 20 anos, conheceu o projeto há 8 meses por causa de uma foto publicada na conta de Instagram de uma amiga. A moça, que trabalha com comércio exterior, virou fã da iniciativa. “Sempre tive o costume de ler no Metrô ou no ônibus”, conta. “Depois de conhecer o ‘Leitura’, essa hábito aumentou muito. Já doei muitos livros e apresentei a ideia para amigos, que acabaram virando colaboradores também. É desse jeito que vamos mudando o mundo”.

Luís Fernando pretende lançar um canal no Youtube para o “Leitura no Vagão”, entrevistando autores de livros. Os ajustes finais já estão sendo feitos, mas ainda não há previsão de estreia.

Share Button