Share Button

Inaugurada em 27 de janeiro de 1963, a estátua do bandeirante Borba Gato compõe o visual da Avenida Santo Amaro há meio século. A obra tem 12,5 metros de altura – o mesmo que um prédio de três andares – e pesa 30 toneladas. Foi elaborada por Júlio Guerra, artista paulistano nascido que nasceu no bairro de Santo Amaro quando este ainda era considerado um município independente, em 1912. Só em 1935 a região passaria a ser um bairro da metrópole de São Paulo. Foram seis anos de trabalho até que a icônica estátua fosse inaugurada, como parte das celebrações dos 400 anos de Santo Amaro. Júlio usou concreto para fazer a estrutura bruta, que é apoiada sobre dois trilhos de bonde. No revestimento, há mosaicos de basalto e mármore.

Borba Gato 1

Genro de Fernão Dias, Manuel de Borba Gato fez parte de sua bandeira entre 1674 e 1681. Depois de ter sido acusado de um assassinato, ele fugiu para a região do rio Doce, em Sabará (MG). Ali descobriu ouro em Sabarabuçu e no rio das Velhas. Participou da Guerra dos Emboabas.

Share Button