Share Button

De fazenda a edifício-garagem, em São Paulo ou em qualquer lugar do país, Roberto Nicastro Capuano já esteve em todo tipo de terreno. Ele é um avaliador de imóveis e, por semana, visita no mínimo duas propriedades para calcular seu valor de mercado.

imoveis

O serviço pode ser requisitado por diversos motivos, mas é comum que avaliadores sejam contratados em caso de divisão de heranças. “Na hora de repartir diversos imóveis familiares, todos querem uma avaliação justa”, afirma Capuano. “Aí é que entra o especialista”. Fundada em 1965, pelo pai de Capuano, a Roberto Capuano Imóveis tem como atividades principais a venda e a avaliação de propriedades.

Não é tarefa fácil dar valor para um imóvel. “É impossível se basear apenas em fórmulas e valor do metro quadrado”, conta Capuano. Um laudo de avaliação imobiliária comum tem cerca de oitenta páginas, mas alguns chegam até a duzentas folhas de informações. Como justificativas para o preço indicado à propriedade, o profissional descreve detalhadamente as características da construção ou do terreno. Pormenores como clubes e igrejas na vizinhança não são deixados de fora, assim como a oferta de transporte público na região.

Para indicar o preço, o especialista faz uma tabela comparativa que lista outros imóveis na mesma região e em situações semelhantes. Capuano pensa que o mais importante na hora da avaliação são as possibilidades de uso do imóvel. “Um galpão fabril na região da Mooca, por exemplo, não serve mais para esta função”, explica. “Mas é possível utilizar o terreno para a construção de apartamentos”.

O imóvel mais estranho visitado pelo consultor foi um edifício-garagem, no Centro. “O prédio tinha pé-direito muito baixo, de cerca de 1,80 metro”, conta Capuano. “Não daria para usar para mais nada além de sua função inicial”. Mesmo assim, o profissional revela que é mais difícil avaliar fazendas, já que é preciso levar em conta a distribuição de pasto e a possibilidade de produção.

Tanto engenheiros como corretores de imóveis podem se aventurar na carreira de avaliação de propriedades. Existe um curso especializante ministrado pelo Conselho Regional dos Corretores de Imóveis de São Paulo (Creci-SP).

Share Button