Share Button

O estúdio Lab C, do Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso (CCJ), é um espaço de apenas 42 metros quadrados. Desde a sua inauguração, em 2006, ele é usado para gravar, gratuitamente, a produção musical de qualquer grupo interessado. “Gravamos tudo: de funk carioca a música religiosa”, diz Markito Alonso, responsável pelo Lab C. Idealizado por Miguel Salvatore e Marcelo Gregório, o Projeto Escuta tem como objetivo democratizar o acesso à música, proporcionando a oportunidade de gravação a grupos que, normalmente, não teriam como alugar um estúdio. Para participar, os interessados devem ir ao Centro Cultural, ao lado do Terminal Cachoeirinha, e fazer um cadastro listando informações de contato, nome dos integrantes do grupo, intenção do trabalho e uma sugestão de data para gravação. “A fila chega a um ou dois meses de espera, mas sempre atendemos toda a demanda”, afirma Alonso. A inscrição dá direito a até quatro horas de gravação no espaço.

cagebe1

Um aviso importante: é preciso levar todos os instrumentos musicais, menos o corpo da bateria. O estúdio é pequeno e não tem a melhor das estruturas – o técnico de som, por exemplo, não fica em uma ilha isolada, mas na mesma sala de gravação. Quem comanda a mesa de som é o técnico Marcelo Gregório, que também dá dicas aos músicos iniciantes. “Ele nunca interfere nas ideias dos artistas, mas às vezes dá sugestões de arranjos para otimizar o som”, conta Alonso. Os gêneros mais gravados no Projeto Escuta são o rap e o funk, mas já passaram por ali bandas de jazz e cantoras gospel.

O Lab C também é usado para fazer programas de rádio, que são publicados no site do centro. O programa já teve entre seus convidados os músicos Emicida, Dexter e Max B.O.. O material gravado pelas bandas estreantes também é divulgado pelo perfil do Centro Cultural da Juventude no site Mixclound

O grupo de rap Ca.Ge.Be, que tem como membros Shirley Casa Verde, Cezar Sotaque e DJ Paulinho, gravou seu segundo álbum, ‘O Vilarejo’, no estúdio do CCJ. “Usamos o espaço desde que foi aberto”, conta Sotaque. De acordo com o rapper, o Lab C é um serviço público de qualidade. “Não temos na Zona Norte muitas opções deste tipo”, afirma.

Serviço:
Centro Cultural da Juventude Ruth Cardoso
Av. Dep. Emílio Carlos, 3.641, Limão
Tel. 3984-2466

 

Share Button