Share Button

A tradicional cantina Nello’s, inaugurada há 37 anos na rua Antônio Bicudo, em Pinheiros, acaba de abrir uma nova unidade, na Vila Leopoldina. O endereço escolhido foi o número 880 da rua Guaipá. A casa está funcionando no sistema soft-opening desde quarta-feira. A inauguração oficial ainda não tem data certa, mas a previsão é que seja na primeira metade de agosto.

O negócio é 100% familiar. Aos 89 anos, Nello Roberto de Rossi, fundador da cantina, não participa mais da administração – embora continue comparecendo ao restaurante para conversar com os clientes. Quem cuida da unidade de Pinheiros são Patrícia (filha de Nello), Augusto (genro) e Rina (mulher). A unidade da Vila Leopoldina vai ficar a cargo de Daniela (filha), Massimo (filho) e Augusto (neto). Foi de Augusto a sugestão de abrir um segundo restaurante, como contou Patrícia ao Blog do Curiocidade. “Ele teve a ideia e a família consentiu”, conta ela.  “Tivemos que aumentar o negócio para poder repartir o bolo entre tantos familiares”.

Patrícia conta que o bairro da Vila Leopoldina foi escolhido por estar se expandindo rápido. “Fizemos uma pesquisa e descobrimos que há muitos empreendimentos residenciais por ali”. O cardápio será o mesmo nas duas unidades. O chef da cantina, Tony Silva, irá se revezar entre as duas unidades. Dona Rina, como sempre, continuará ajudando na cozinha.

Quem é o Nello da cantina Nello’s?

N

“Bonita camisa, Fernandinho!”. O bordão da propaganda das camisas USTop, que marcou os anos 80, foi proferido pelo ator Nello Roberto De Rossi. Nascido em Roma, Nello trabalhou no cinema italiano em sua adolescência e quase chegou a Hollywood. Quase. De Roma, ele foi para Nova York onde, para se sustentar, arrumou trabalho num restaurante italiano. Alguns anos depois, retornou a Roma e acabou se casando. Em 1973, ele desembarcou no Brasil e, um ano depois, fundou a Nello’s. O sempre sorridente Nello, pai de quatro filhos, recebe os clientes e adora contar suas histórias. “Ele não participa mais das decisões, mas é um ícone da cantina, sempre conquistando os fregueses”, conta Patrícia. “Ele está firme e forte. E matando a gente, isso sim. Ele é um pouco teimoso”. Desde que aportou por aqui, Nello atuou em 30 filmes publicitários. O desenho de longa metragem “Cassiopéia” (o primeiro totalmente feito em computador do mundo) e o filme “Festa”, de Ugo Giorgetti, levam o nome do italiano como produtor.

(Com colaboração de Karina Trevizan e foto de JF Diorio/AE)

Share Button