Share Button

O elenco do musical Evita, que fica em cartaz no Teatro Alfa (Rua Bento Branco de Andrade Filho, 722; Santo Amaro; 5693-4000) até julho, tem 45 atores e cantores, além de 20 músicos da orquestra. Os protagonistas são os personagens Eva Perón, Juan Perón e Che Guevara, vividos por Paula Capovilla, Daniel Boaventura e Fred Silveira. Mas há também seis atores mirins, que estão se tornando rostos conhecidos nos musicais encenados na Cidade.

São três atores-mirins por apresentação (leia abaixo). A seleção foi feita pelo diretor do espetáculo, Jorge Takla, que já conhecia os pequenos artistas desde O Rei e Eu, musical dirigido por ele em 2010. Takla conta que foram realizados vários testes para escolher as crianças para o elenco, inclusive com a família dos atores. “Fazemos entrevistas com os pais”, revela. “Eles também precisam ser aprovados. Eles ficam no teatro desde a chegada dos filhos até o final do espetáculo, mas não assistem aos ensaios, nem podem interferir no trabalho”. Takla dá outros detalhes:

EVITA

Para ganhar os papeis, as crianças fizeram testes?
Para selecionar as seis de Evita, convidamos as crianças que já tinham participado de O Rei e Eu e têm uma boa formação em canto. Elas participaram de testes de coordenação motora, dança, canto e afinação. Os testes de canto são primeiro em grupos e, depois, solo. Depois da primeira seleção, fazemos entrevistas individuais para ter certeza da vocação e da vontade da criança em fazer teatro. Às vezes descobrimos que são obrigados e explorados pelos pais, temos que tomar muito cuidado com isso. Fazemos entrevistas com os pais, eles também têm que ser aprovados!

Quais são as exigências para se trabalhar com atores crianças?
Temos que ter alvará do juizado de menores, autorização dos pais, verificar se os horários de trabalho não interferem com os de escola, seguir de perto os estudos e os boletins das crianças. Notamos que todos melhoram na escola depois de começar a trabalhar com teatro. Isso porque eles aprendem a ter disciplina, rigor e concentração, e ficam muito conscientes de suas responsabilidades. Mas, fora isso, existe um cuidado especial que tem que ser tomado com atores mirins, porque tudo que é ensinado entre os 7 e 12 anos fica marcado para o resto da vida. Temos que tentar abrir as portas para o máximo de formas de linguagem, para eles terem uma rica possibilidade de escolhas e de opções para os seus caminhos futuros.

As apresentações são todas à noite. Isso não atrapalha as crianças que estudam de manhã?
A escala é sempre feita de acordo com os horários da escola, com o aval dos pais. Como os elencos infantis são alternantes, quem faz a sessão de quinta-feira só volta no sábado. Quem faz a sexta só volta no domingo.

As crianças de Evita

Isabela Rangel
9 anos
Além do musical O Rei e Eu, a atriz fez ensaios fotográficos para revistas e cinco comerciais, como o do “Criança-Esperança 2010”.

Mariana Martins
9 anos
Evita é seu segundo musical. Também fez O Rei e Eu. Esteve em dois comerciais, ambos em 2008

Juliane Santiago de Oliveira
10 anos
Em 2009, participou do espetáculo Noviça Rebelde. No ano seguinte, esteve no elenco de Gypsy e O Rei e Eu. Fez também alguns trabalhos publicitários.

EVITA - o musical

Da esquerda para a direita: Juliane, Isabela e Mariana

Letícia dos Santos Carmo
9 anos
Começou em 2007 com a peça Avoar. Participou do programa do Raul Gil duas vezes. Em 2010, atuou em O Rei e Eu, fez dublagens em desenhos animados, como Backyardigans e Hi-Five.

Matheus Braga
8 anos
O único menino da turma participou dos musicais Miss Saigon e O Rei e Eu. No cinema, fez parte de Essa Maldita Vontade de Ser Pássaro e Lula, O Filho do Brasil.

Izabely Tomazi
9 anos
Participou dos espetáculos Miss Saigon, O Rei e Eu, e Gypsy, entre outros. Fez também alguns trabalhos publicitários.

EVITA - o musical

Da esquerda para a direita: Letícia, Matheus e Izabely

(Com colaboração de Karina Trevizan e fotos de João Caldas / Divulgação)

Share Button